Sexta-feira, 9 de Fevereiro de 2007

Camilo Castelo Branco - Amor de Perdição

Nome do autor: Camilo Castelo Branco

Título: Amor de Perdição

Editor: Francisco Lyon de Castro, 5º edição

Local e data: Lisboa, Abril de 2002.

Resumo:

Em Viseu, Simão, filho do corregedor Domingos Botelho, apaixona-se por Teresa, filha do fidalgo Tadeu de Albuquerque, e é correspondido.

Mas Domingos Botelho e Tadeu de Albuquerque são inimigos, o que leva a que o amor entre os jovens seja contrariado, resolvendo Tadeu casar a filha com o seu sobrinho Baltasar. Simão, a estudar em Coimbra, ao saber disto, regressa secretamente a Viseu para se encontrar com Teresa, ficando hospedado em casa do ferrador João da Cruz que tinha uma filha chamada Mariana.

Simão, no encontro com Teresa, é ferido numa emboscada e é tratado por Mariana, com muito amor. Teresa é serrada num convento de Viseu, aguardando transferência para um convento no Porto. À porta do convento, Simão, que aguardava a saída de Teresa, é surpreendido por Baltasar que acaba por matar, entregando-se depois às autoridades. Simão é preso e Teresa é transferida para o convento de Monchique, no Porto, cidade para onde também Simão é enviado, acompanhado por Mariana, como criada. Simão e Teresa juram amor eterno, para além da própria morte.

Tadeu procura transferir a filha do Porto para Viseu, mas Teresa opõe-se devido ao seu estado de saúde. Porém recupera quando sabe que Simão não vai ser enforcado. O tribunal mudara a sua pena para 10 anos de degredo na Índia.

No dia da partida de Simão, Teresa morre. Ao saber da morte de Teresa, Simão é tomado por uma febre maligna e morre também. No instante do lançamento do corpo de Simão ao mar, Mariana atira-se à água e morre abraçada a ele.

Algumas Citações do Livro:

“O amor aos quinze anos é uma brincadeira; é a última manifestação do amor às bonecas; é tentativa de avezinha que ensaia o voo fora do ninho, sempre com os olhos fitos na ave-mãe, que está da fronde próxima chamando: tanto sabe a primeira o que é amar muito como a segunda o que é voar para longe.”

“Um romance que estriba na verdade o seu merecimento é frio, é impertinente, é uma coisa que não sacode os nervos, nem tira a gente, sequer uma temporada, enquanto ele nos lembra, deste jogo de nora, cujos alcatruzes somos, uns a subir, outros a descer, movidos pela manivela do egoísmo.”

Estamos:
Música: A Perfect Circle - Imagine
Publicado por Urbans às 22:13
link do post | Comenta | favorito

.Sobre Nós

.Pesquisa no Nosso Blog

.Fevereiro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.Os nossos mais Recentes Postes

. Brevemente

. Camilo Castelo Branco - A...

. Camilo Castelo Branco

. Escola Secundária de Seia...

.arquivos

. Fevereiro 2007

.Os nossos Link's

blogs SAPO

.subscrever feeds